top of page

Na Krayon, tudo começa na ponta de um lápis


Anywhere Métiers d'Art Azur de 2022 @ Krayon


A Krayon tem vindo lentamente a posicionar-se por direito próprio entre as casas mais interessantes que surgiram já este século. O recente desempenho durante o Grande Prémio de Relojoaria de Genebra é uma boa desculpa para nos debruçarmos um pouco sobre quem é e de onde vem esta Krayon?



Rémi Maillat é o designer, engenheiro relojoeiro e fundador da Krayon. Personagem simpática, simples e aparentemente tímida, Maillat é senhor de uma capacidade invejável que lhe permite transformar os mais complexos cálculos matemáticos em fascinantes criações relojoeiras. E como todas as suas peças começam literalmente com um esboço feito pela ponta do seu lápis, o nome “Krayon” (sinónimo de giz ou lápis em francês) surgiu de forma natural e espontânea.


Everywhere de 2017 @ Krayon


Em junho de 2017, Maillat apresenta a sua primeira criação a que chamou “Everywhere”, seguindo a execução de uma variante deste modelo executada a pedido de um cliente. O “Everywhere Horizon” viria a receber o prémio de Melhor Inovação Relojoeira atribuído pelo Júri do Grand Prix d'Horlogerie de Genève durante a edição de 2018.



Anywhere de 2020 @ Krayon


Em 2020 segue-se o “Anywhere”, um criação definida pelo seu criador como sendo fiel ao conceito da arte da medição singular do tempo e uma síntese de matemática, relojoaria, poesia e com uma genuína dimensão filosófica.



Anywhere Métiers d'Art Only Watch de 2021 @ Krayon


No ano seguinte a Krayon participou pela primeira vez no leilão Only Watch no qual participou com o “Anywhere Métiers d’Art", uma criação única decorada com um magnífico pôr do sol de Claude Monet e que acabou por ser vendido por quatro vezes a sua estimativa inicial.



Anywhere Métiers d'Art Azur de 2022 @ Krayon


Em 2022, a marca regressa com uma nova criação, o “Anywhere Métiers d'Art Azur”, limitado a apenas 15 peças e que obtém, durante o Grande Prémio de Relojoaria de Genebra deste ano, o prémio para a categoria “Calendário e Astronomia”.


Os mais atentos a tudo o que rodeia os relógios e a relojoaria têm habitualmente uma especial consideração por modelos com funções de data ou indicações astronómicas, não só pelo nível de complexidade necessário para as executar, mas também porque essas mesmas indicações estão directamente relacionadas com as observações efetuadas pelas primeiras civilizações de eras longínquas. Para aqueles que compreendem a verdadeira escala desta conquista, um relógio com data dá-nos acesso directo ao cosmos, uma ligação que é ainda mais gratificante pelo seu simbolismo e porque se baseia efectivamente na ciência da relojoeira.


O calendário é, pois, uma solução mecânica para um problema astronómico. Do antigo Egito a Roma, passando pela Antiga Grécia, de astrónomos a matemáticos, incluindo os incontornáveis homens de Deus, a história do calendário centrou-se sempre na questão de como encaixar os calendários lunar e solar numa tabela de números inteiros.


Anywhere Métiers d'Art Azur de 2022 @ Krayon


Seja em que lugar do globo for, o Métiers d'Art Azur indica as horas e os minutos por meio de dois ponteiros, colocados ao centro de um mostrador que aparenta estar suspenso. Este apresenta-se rodeado por uma zona anular sobre a qual circula, num movimento perpétuo, um pequeno sol que indica o tempo ao longo de 24 horas.



A indicação em forma de anel está dividida em duas partes: um sector diurno (céu azul) e um sector noturno (azul meia-noite), cujas respectivas extensões estão em constante movimento, indicando através das suas respectivas posições a hora do nascer e do pôr do sol.


Calibre C030 do Anywhere Métiers d'Art Azur de 2022 @ Krayon



De forma a integrar este elemento geográfico, a Krayon desenvolveu um sistema de posicionamento mecânico inovador. Através deste mecanismo, a posição relativa dos dois discos de safira é determinada não só pela sua posição de referência, mas também pelo calendário. Com este propósito, o Anywhere Métiers d'Art Azur indica a data e o mês num mostrador subsidiário às 6 horas. Trata-se de um calendário duplo, no qual todos os meses têm uma duração de 31 dias. Ou seja, o sistema requer cinco ajustes anuais, efetuados de forma fácil e rápida através da coroa em ambas as direções.


O mecanismo


O Krayon Anywhere Métiers d'Art Azur está equipado com o Calibre C030, desenvolvido e totalmente montado em Neuchâtel, na Suíça, pelo próprio Rémi Maillat. O calibre é um descendente direto do criado para o Anywhere construído para o leilão de beneficência Only Watch de 2021.



A aparente simplicidade, largura e espessura face à sua complexidade (apenas 5 mm) deste mecanismo de corda manual (432 componentes, 86 horas de reserva de marcha) surpreende pela sua capacidade de definir um espaço geográfico e temporal adaptado ao utilizador. É que segundo um princípio caro a Rémi Maillat, o feliz proprietário poderá acertar o relógio para uma cidade ou local à sua escolha assim como a respectiva indicação do nascer e do pôr do sol.


E se mergulhássemos nas características e artes que decoram este Krayon Anywhere Métiers d'Art Azur, teríamos certamente espaço para mais umas boas páginas (ou screens). Mas esse exercício deixamos na mão dos nossos leitores. Basta irem à página da Krayon aqui.

49 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page