top of page

ALERTA NOVO RELÓGIO - Isotope x Revolution Mercury disponível hoje a partir das 14h


Isotope x Revolution Mercury


A Isotope Watches de José e Joana Miranda aliou-se à Revolution Watch e lançou um relógio extraordinário, o  Isotope x Revolution Mercury. Este relógio é um hino ao polimento e ao design. Foram feitas 150 peças inspiradas nas múltiplas interpretações de Mercúrio — um metal líquido, um comboio e o deus romano, mensageiro de boas novas. Trata-se de um relógio totalmente polido em aço inoxidável, com o primeiro mostrador convexo espelhado alguma vez feito. Conseguir o polimento perfeito para a caixa, o mostrador e os ponteiros foi certamente um esforço infinitamente meticuloso, mas o design do relógio é um processo que certamente o surpreenderá. O relógio é uma exploração abstrata da polissemia de Mercúrio, como metal líquido, o comboio streamliner American Art Deco e o deus romano das boas-novas.


A edição limitada Isotope × Revolution Mercury está disponível para venda ao público em www.isotopewatches.com ou shop.revolutionwatch.com a partir de hoje, dia 27 de Maio de 2024, às 14h. Disponível numa edição limitada de 150 peças, está cotado a £1,990 / USD 2,400 por relógio (sem impostos).

O mostrador convexo espelhado foi inspirado pelo arquiteto Henry Dreyfuss, um ícone do design modernista que desenhou o comboio Mercury para a New York Central Railroad em meados do século XX. Tal como a experiência de apreciar arte, o grande apelo e alegria de possuir o relógio Mercury não se devem apenas ao seu impacto visual, mas às suas abstrações, e isso só é possível quando um relógio é desenhado de raiz com poucas restrições ou preconceitos sobre a sua aparência. Tornar-se um designer de relógios ou fundador de uma marca depois de anos de colecção astuta é uma narrativa comum no mundo dos relógios, e muitas vezes resulta em designs que são uma fusão de elementos de relógios anteriores, compilados com bom gosto. Mas José Miranda, fundador da Isotope Watches, adopta uma abordagem mais intelectual ao processo criativo, encontrando fontes de inspiração na arte, arquitetura, história e cultura. Juntamente com sua esposa Joana Miranda, fundou a Isotope em 2016 em Harpenden, Inglaterra, com o objetivo de criar relógios distintos, mas acessíveis, que variam do sóbrio ao caprichoso.


Isotope x Revolution Mercury com pormenor do reflexo da parte inferior dos ponteiros


O que pensamos do conceito


O design está perfeitamente fundamentado mas existe neste relógio um aspecto psicológico que vai para além do próprio design. A escolha de um relógio reflecte normalmente o nosso gosto, estilo, preferências técnicas, entre outros aspectos. De certa forma os relógios reflectem o que nós próprios somos. O apreço pelos nossos relógios é assim, de certa forma, o apreço por nós próprios. Podemos até chamar-lhe amor próprio, ou então, sem rodeios: narcisismo. O Isotope x Revolution Mercury leva este aspecto a um novo nível, este relógio reflecte a nossa própria imagem, ao admirarmos o relógio, ele admira-nos a nós próprios, o que cria um loop difícil de quebrar. Este é um relógio para quem não tem vergonha de gostar de si próprio.


Isotope x Revolution Mercury


O Mito de Narciso e o Narcisismo dos coleccionadores


Entre as várias versões do mito de Narciso, uma das mais interessantes conta que Tirésias, o Oráculo, no dia do nascimento de Narciso, vaticinou que este teria uma vida longa desde que jamais contemplasse a própria figura. Narciso cresceu e tornou-se no mais belo dos jovens, o que atraiu o amor de várias ninfas, especialmente Eco. Perante o desprezo que ele lhes mostrava, algumas das ninfas revoltaram-se e rogaram vingança aos deuses. Para dar uma lição ao jovem, a deusa Némesis, condenou-o a apaixonar-se pelo seu próprio reflexo, na lagoa de Eco. Prisioneiro da própria contemplação, Narciso acabou por definhar. Após a sua morte, a deusa Némesis transformou-o numa flor, o Narciso. À semelhança de Narciso, os coleccionadores de relógios têm frequentemente como critério a beleza, e sentem que os seus relógios reflectem a própria beleza que ostentam ou, a que gostariam de ostentar. Acabam muitas vezes, distraídos, a acariciar o próprio relógio e contemplá-lo, tal como Narciso se contemplava a si próprio na lagoa de Eco. É possivelmente o coleccionador mais presente no seu próprio tempo, pois o critério do aspecto é dos que mais protagonismo tem ganho ultimamente. O bom aspecto é um assunto muito variável, por exemplo, a maioria dos coleccionadores considera que os relógios vintage têm melhor aparência quando deixam transparecer os efeitos do tempo, já nos relógios novos acontece precisamente o oposto. Tal como o próprio coleccionador, os seus relógios devem estar sempre bem vestidos com a mais perfeita das correias e braceletes. O Narciso reconhece-se nos relógios que lhe são mais agradáveis à vista, e ao usá-los no pulso, sente-se contaminado pelo seu bom aspecto. Elogiar o seu relógio, o relógio que lhe pertence, é elogiar a sua boa aparência, a boa aparência que lhe pertence.


A Perseguição pelo Polimento Perfeito


Isotope x Revolution Mercury

Outra dimensão de Mercúrio que inspirou o relógio foi o deus romano Mercúrio, também conhecido como Hermes na mitologia grega, que servia como o mensageiro dos deuses e era filho de Zeus. Os distintos ponteiros de aço do relógio foram concebidos tendo em mente uma coroa de louros, um símbolo de vitória e realização na mitologia grega e romana. O ponteiro dos minutos termina com uma folha, e além disso, ambos os ponteiros convergem a cada hora para formar uma grande folha de louro. Devido à sua forma única, eles tiveram de ser totalmente criados e polidos à mão, o que é praticamente inédito neste nível de preço. Os ponteiros das horas e dos minutos, bem como o ponteiro dos segundos pequenos, são ainda elegantemente realçados por um cubo polido e abobadado, enriquecendo o conjunto com uma quantidade invulgar de profundidade e detalhe.


No entanto, o aspecto mais exigente do projeto foi o próprio mostrador espelhado, que foi proposto por Wei Koh, fundador da Revolution, após ter visto o incrível conceito de Mercúrio de José para a caixa e os ponteiros. A dificuldade era agravada pela forma abobadada do mostrador, intensificando o desafio de alcançar um acabamento espelhado impecável. A curvatura tende a distorcer a reflexão e requer técnicas de polimento precisas para manter a consistência.


"Elaborar um mostrador convexo espelhado sem falhas nunca tinha sido tentado na relojoaria, e apesar de consultar vários fabricantes de mostradores, a resposta unânime foi: 'Não pode ser feito' ", diz José.

Sem se deixar desanimar, José começou a fornecer instruções detalhadas aos seus engenheiros, propondo soluções criativas e experimentando técnicas inovadoras de polimento. Levou mais de meio ano para alcançar o polimento perfeito.


Isotope x Revolution Mercury - segundos pequenos em pormenor

Além disso, o mostrador consiste em três partes, novamente uma raridade neste nível de preço: um mostrador principal convexo, a inserção do mostrador dos segundos pequenos e o seu anel superior. Isso significa que  tiveram de ser criados três moldes de estampagem separados. Após a estampagem, os componentes do mostrador passaram por processos de rectificação para refinar suas superfícies e formas, eliminar quaisquer imperfeições e alcançar precisão dimensional. Depois, cada parte é finalizada com polimento Sallaz, que envolve o uso de compostos abrasivos progressivamente mais finos para preparar o substrato criando uma superfície lisa e uniforme. Todas as três partes são então soldadas juntas antes de outra rodada de polimento Sallaz ser aplicada. Finalmente, o mostrador principal é ainda polido à mão, onde a superfície do mostrador é delicadamente esfregada em movimentos circulares usando um composto abrasivo para alcançar uma superfície sem distorções. Esta etapa final de polimento manual é essencial, pois permite um controlo preciso, garantindo que quaisquer irregularidades remanescentes sejam abordadas. O resultado é um acabamento espelhado liso, claro e belo em uma superfície de mostrador convexo, o primeiro na relojoaria.


O movimento


Alimentado por um movimento manual ETA/Peseux 7001, personalizado pela Landeron suíça em La Chaux-de-Fonds com um design exclusivo de pontes com decoração meticulosa. É um processo inegavelmente exaustivo com uma taxa de rejeição superior a 50%. Mais de 350 mostradores foram produzidos para chegar a 160 bons mostradores, com 150 eventualmente montados. Além disso, um ambiente livre de poeira e umidade foi essencial durante o processo de montagem para minimizar o risco de contaminantes na superfície delicada. É importante ter em mente que todo esse esforço foi dedicado exclusivamente ao aperfeiçoamento do mostrador, portanto o relógio representa um valor incrível.

Isotope x Revolution Mercury

O mostrador é coberto por um cristal de safira abobadado e, através do fundo de caixa de safira, é visível o calibre manual I-7, que é um ETA/Peseux 7001 modificado produzido pela Landeron. Introduzido originalmente em 1971, o Peseux 7001 é um movimento robusto e confiável de 17 rubis, adoptado e adaptado por uma ampla gama de marcas de Blancpain a Omega, e nos tempos modernos, de Nomos a Urwerk. Funciona a 21,600vph (3Hz) e oferece uma reserva de marcha de 42 horas. A caixa de 38mm x 10mm, ergonomicamente realçada por um fundo de caixa concavo, ajusta-se como uma luva. O movimento aqui foi embelezado com parafusos azulados e gravação recta nas pontes, bem como perlage na matriz


O relógio é acompanhado de uma pulseira de camurça de substituição rápida de 20mm com fivela de aço polido. É limitado a 150 peças e tem preço de USD 2,400. No pulso, a experiência visual de um relógio totalmente espelhado é sem dúvida dramática, e a instantaneidade do seu impacto visual tende a não induzir o tipo de visualização prolongada e contemplativa apropriada para visualizar uma obra de arte, mas recompensa o olhar lento do espectador com um mundo de detalhes inéditos neste nível de preço e além.


A Isotope × Revolution Mercury Limited Edition está disponível ao público para compra em www.isotopewatches.com ou shop.revolutionwatch.com em 27 de maio de 2024, às 15h BST/22h SGT/16h CET/10h EST. Disponível em uma edição limitada de 150 peças, está cotado a £1,990 / USD 2,400 por relógio (excluindo impostos).

Mais informações em: ISOTOPE

107 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page