top of page

Hora do Cinema "1" - George Daniels, "A Man of Time"

A figura de George Daniels tornou-se nos dias que correm do século XXI uma autêntica lenda da relojoaria. Não é pois de estranhar que teimem em aparecer novas histórias e episódios de um personagem de excepção, não só no que se refere à arte da relojoaria que dominou como poucos, mas tambem no campo da sua personalidade, tantas vezes arrogante e que lhe valeram criticas contundentes ao longo da sua vida e obra.


Aliás, no "filme" de 32 minutos que vos propomos hoje, intitulado "A Man of Time" e realizado em 1975, Daniels, então com 50 anos de idade, refere-se precisamente a essa arrogância como uma atitude indispensável a alguém que, como ele, teve de se destacar de alguma forma para se elevar dos efeitos da pobreza extrema em que viveu durante a sua infância:


"Acabei por achar essa arrogância extremamente útil mais tarde na vida, no sentido em que se queremos ser profissionais no que quer que seja, tem de haver necessariamente alguma arrogância e alguma independência, ou não será possível destacar-nos de outros profissionais."


Mas nada como assistir a esta excelente entrevista produzida por Rey Helm:


85 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page