top of page

Hora do Cinema "2" - "The Time Museum Series" com George Daniels

O "Time Museum" escondido na pequena cidade de Rockford, Illinois nos EUA, foi uma das maiores instituições museológicas na história da relojoaria e pertenceu, espantosamente, a um coleccionador privado.


O "Time Museum" de Rockford Illinois @ Public Domain


Seth Glanville Atwood, nascido a 2 de junho de 1917 (morre a 21 de fevereiro de 2010) foi um industrial americano, líder comunitário e um voraz colecionador de relojoaria. Foi presidente da Atwood Vacuum Machine Company, um dos maiores fabricantes mundiais de ferragens para carrocerias de automóveis, e um líder de longa data dos negócios da família Atwood, que envolvia as indústrias de manufatura, bancos e hotelaria, com mais de 2.500 funcionários.


Seth G. Atwood, fundador do "Time Museum" @ Public Domain


Em 1971, Seth G. Atwood funda o "Time Museum" no Clock Tower Resort em Rockford, Illinois, que mais tarde se tornou um dos principais museus de relojoaria do mundo, com quase 1.500 peças no seu acervo. A notável colecção do museu incluía antigos relógios de sol e relógios de água chineses (incluindo uma réplica de Su Song), relógios de pêndulo antigos, um repetidor de quartos de Thomas Tompion, um regulador de madeira de Harrison, um Breguet Sympathique e a joia da coroa, o Patek Philippe Henry Graves Supercomplication, vendido a 11 de novembro de 2014 em Genebra por 23.237.000 CHF. Durante a década de 1990, o museu chegou a atingir mais de 50.000 visitantes por ano. O "Time Museum" acabou por fechar as suas portas por vontade do seu proprietário em 1999. Entre janeiro de 2001 e fevereiro de 2004, coube ao Museu de Ciência e Indústria de Chicago a tarefa de expor grande parte da coleção original do Museu. Em 2004, uma campanha promovida pelo museu de Chicago para adquirir a coleção por US $ 35 milhões, falha e a maior parte da colecção é vendida ao longo de 4 leilões organizados pela Sothebys em 2008 e 2009.


O movimento do Atwood @ George Daniels Educational Trust.


Seth Atwood foi um grande admirador de Daniels e aproveitou uma visita ao seu atelier para produzir um dos episódios do "The Time Museum Series" que eram projectados no museu. Os quase 30 minutos de conversa que se seguem são um vislumbre do trabalho de Daniels que neste caso estava a trabalhar no relógio que Atwood lhe tinha encomendado.



63 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page