top of page

Horas Temporais


Actualmente as nossas horas são medidas uniformemente, todas medem exactamente o mesmo intervalo de tempo. Nem sempre foi assim, durante um período, achou-se mais útil que as horas não fossem uniformes. Isto significa que entre as diferentes horas não decorria sempre o mesmo tempo. O que aconteceu foi que o dia foi dividido em 12 partes, 6 de luz e 6 de escuridão que, naturalmente, variavam ao longo do ano. A este tipo de medição do tempo chama-se: horas temporais.



Como se constrói um relógio que mede horas temporais? Masahiro Kikuno apresentou uma sugestão, há uns anos, baseada num relógio de Tanaka Hisashige. No seu relógio de pulso aplicou pela primeira vez a técnica dos marcadores móveis. Ao longo do ano os marcadores do relógio aproximam-se num lado e afastam-se no outro para permitir que existam iguais períodos de claridade e escuridão. Os japoneses chamam de Wadokei aos relógios de mesa que apresentam horas temporais. Masairo Kikuno conseguiu criar uma versão de pulso.





A CRIAÇÃO DAS HORAS TEMPORAIS

Os egípcios formularam um calendário civil com 12 meses de 30 dias, com cinco dias adicionados para aproximar o ano solar. Cada período de 10 dias foi marcado pela aparição de grupos estelares especiais (constelações) chamados decanos. Na ascensão da estrela Sirius pouco antes do nascer do sol, que ocorreu em torno da importante inundação anual do Nilo, 12 decanos podiam ser vistos no céu. O significado cósmico que os egípcios colocaram nos 12 decanos levou-os a desenvolver um sistema no qual cada intervalo de escuridão (e mais tarde, cada intervalo de luz do dia) era dividido em uma dúzia de partes iguais. Esses períodos tornaram-se conhecidos como horas temporais porque sua duração variava de acordo com a duração variável de dias e noites, com o passar das estações. As horas de Verão eram longas, as de Inverno eram curtas; apenas nos equinócios da Primavera e Outono as horas de luz do dia e da escuridão eram iguais. As horas temporais, que foram adoptadas pelos gregos e depois pelos romanos (que as espalharam por toda a Europa), permaneceram em uso por mais de 2500 anos.



HORAS TEMPORAIS EM PORTUGAL


Um exemplar de horas temporais pode ser visto na Casa-Museu Medeiros e Almeida. Para quem não conhece este é um museu a não perder, possivelmente com a mais importante colecção de relógios nacional. Alguns dos seus relógios podem ser conhecidos em grande detalhe no site da Casa-Museu. Entre todos referimos o relógio de 1808, construído pela Casa Breguet, pertencente a General Junot referido nos nossos artigos: JULIENA FILA A PARIS e JULIENA FILA A PARIS II.

99 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page